O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

 Durante esta minha viagem, tive a oportunidade de passar um dia em Moscou, em trânsito entre Tbilisi, na Geórgia, e Bangkok, na Tailândia. Sim, passar um dia em Moscou parece estranho, mas como eu já tinha estado na cidade antes, aproveitar um conexão aérea longa valia a pena.

O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

 

O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

Chegando ao aeroporto de Vnukovo, peguei o trem e fui direto para a Praça Vermelha. E qual foi minha surpresa, ao chegar por lá, e encontrar o mercado natalino da Praça Vermelha ainda em funcionamento, em pleno final de janeiro!

O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

 

O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

Sou fã de carteirinha destes mercados natalinos, e já cheguei a viajar pra Alemanha só por pra aproveitar os de lá, além sempre visitar os de Londres também. Por isso, foi realmente uma surpresa agradável. Mas por que uma feira natalina no final de janeiro, quando no restante da Europa elas encerram logo antes ou logo após o natal?

O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

Um dos motivos, senão o principal, é que os russos são cristãos ortodoxos. Eles não celebram o Natal no dia 25 de dezembro, mas sim no dia 6 de janeiro, o que pra nós é o dia dos Santos Reis. Nesta data começa pra eles um feriado de uma semana inteira. E como o inverno russo, além de rigoroso, é também muito longo, é justificável manter a atração aberta por um período mais prolongado.

Só queria te avisar que, se você reservar alguma coisa pelos links do blog, eu recebo uma pequena comissão. VOCÊ NÃO PAGA NADICA A MAIS, mas com certeza estará ajudando o blog. Obrigado!


RESERVE SEU HOTEL AQUI || INGRESSOS PARA MUSEUS E EXCURSÕES
TRANSFER DO AEROPORTO || VOOS BARATOS

O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

O mercado natalino da Praça Vermelha é aberto a partir do final de novembro, e além das barraquinhas vendendo comida, bebida e souvenirs típicos russos, ele possui um pequeno parque de diversões e uma das maiores pistas de patinação no gelo de Moscou. Mas apesar de tudo isso, o mercado é relativamente pequeno.

O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

Mas ainda bem que tamanho não é tudo. Principalmente quando você está em frente às muralhas do Kremlin, das lojas de departamentos GUM e da Basílica de São Basílio, aquela das cúpulas coloridas e principal cartão postal da capital russa.

O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

Minha visita foi ainda de manhãzinha, mas já às 9 da matina todas as barracas já estavam abertas, apesar do número de visitantes não ser grande. Aproveitei pra tomar um café quentinho, pra me aquecer naquele frio de -13 graus, escolhendo entre uma matryoshka – aquelas bonequinhas que têm várias outras dentro – ou um chapéu russo de couro de coelho. Decisões, são elas lá fáceis?

O Mercado Natalino da Praça Vermelha, Moscou

Então, se você pretende estar na Europa no final do ano, fica aqui a dica de um mercado de natal diferente e numa cidade fantástica. Ah, vale lembrar que brasileiros não precisam de visto pra visitar a Rússia. 🙂

Atenção: Este ano, 2016, o mercado de natal da Praça Vermelha começa a funcionar dia 29 de novembro!

Gostou de descobrir o Mercado Natalino da Praça Vermelha e quer mais dicas? Então assine nossa newsletter, lá no lado direito da página! :-)

Outros Posts:

3 Responses

  1. Fernanda - Viagens Across the World

    Que lindo Pedro!
    Estive em Moscou no verão e é muito legal ver assim tão diferente!!
    abs

    Responder
  2. Catalina Stoian

    Oi Pedro,
    So queria ajudar que os rusos sao cristãos ortodoxos estilo velho e que tambem existe cristãos ortodoxos estilo novo como nos (roumanos) e os griecos. Do que voce diz, as pessoas podem acreditar que todos os cristãos ortodoxos tem o natal 6 de enero.

    Obrigada

    Responder

Leave a Reply

Your email address will not be published.

CommentLuv badge